Sinais de Alerta sobre o PODER DAS CONEXÕES PESSOAIS

25/01/2018

Sinais aos quais você deve atentar, que te ajudarão a avaliar suas conexões pessoais.

Todo cristão precisa avaliar quais são as conexões que ele tem tido, quem são as pessoas com quem ele vem se relacionando. Será que essas pessoas o fazem ser mais apaixonados por Jesus ou elas o deixam duvidoso a respeito do seu ministério, do seu chamado, do seu trabalho, da sua igreja e, por que não dizer, da sua família?

Eis alguns sinais aos quais te recomendo a ficar atento:

  • A conversa com a pessoa te faz estar mais apaixonado por Jesus, desejando crescer e produzir mais para o Reino de Deus, ou você sempre sai da conversa desanimado, com desejo de fazer cada dia menos, dedicando cada dia mais tempo para si e as coisas que te façam felizes?
  • Você sai da conversa curado ou com a alma envenenada?
  • Você depois da conversa tem impressões sobre as coisas boas que estão acontecendo, ou apenas consegue ver as coisas ruins?

Quando suas conexões pessoais são erradas, você sairá das conversas sempre com uma "pulga atrás da orelha". Certamente ficará desanimado com a sua liderança, desanimado de trabalhar para o Reino de Deus, desanimado de ir aos cultos, desanimado de querer estipular metas no trabalho secular e frustrado com sua família.

Uma conexão errada pode fazer a sua vida, do dia para noite, ser "destruída"; assim como, uma conexão certa pode fazer a sua vida, do dia pra noite, "prosperar".

Todo cristão, o líder precisa avaliar as suas conexões pessoais, pois talvez ele esteja passando por lutas e esteja perdendo suas forças apenas por estar rodeado de relacionamentos que não edificam.

"Recomendo, irmãos, que tomem cuidado com aqueles que causam divisões e põem obstáculos ao ensino que vocês têm recebido. Afastem-se deles. Pois essas pessoas não estão servindo a Cristo, nosso Senhor, mas a seus próprios apetites. Mediante palavras suaves e bajulação, enganam o coração dos ingênuos" (Rm 16:17-18).

Com amor fraterno e desejo de servir:

Pr. Ednilson Fernandes de Souza